DEH101 – O espaço habitado e a contemporaneidade

 

CARGA HORÁRIA: 45 horas (3 Créditos)

 

EMENTA:

 

Investigação das tendências do pensamento contemporâneo sobre o espaço habitado a partir da crítica à modernidade. Discussões dos novos conceitos, tendências e proposta no campo da arquitetura e do urbanismo, a partir do contexto mundial.

 

 

BIBLIOGRAFIA:

 

CARLOS, Ana Fani Alessandri (1996). O lugar no/do mundo. São Paulo: Hucitec.

LE GOFF, Jacques (1996). História e memória. Campinas: Editora da UNICAMP, p. 423-483. (Se for e-book: 366 a 419)

FERRARE, Josemary Omena Passos (1996). A preservação do patrimônio histórico: um re-pensar, a partir da experiência de Marechal Deodoro. Dissertação (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo). Universidade Federal da Bahia, Salvador.

SILVA, Kalina Vanderlei & SILVA, Maciel Henrique (2006). Dicionário de conceitos históricos. São Paulo: Editora Contexto, p.202-205.

SILVA, Maria da Glória Lanci (2004). A imagem da cidade Turística: promoção de paisagens e identidades culturais. Arquitextos, São Paulo, 053, texto especial 263.

BETSKY, Aaron (1995). Building Sex - Men, Women, Architecture and  the Construction of Sexuality, Nova iorque, William Morrow and Company.

GATARI, Felix & DELEUZE, Gilles, (1987). A thousand plateaus - capitalism and schizophrenia. Minneapolis & Londres, University of Minnesota Press.

JENCKS, Charles, (1984). The language of Post Modern Architecture, Nova Iorque, Rizzoli.

KOOHAS, Rem. ( 1978). New York Delire a retroactive manifesto for Manhattan, Nova Iorque & Londres, Oxford University Press.

PAPADAKIS, Andreas, COOKE, Catherine & BENJAMIN, Andrew. (1989).  Deconstruction Omnibus Volume, Nova Iorque, Rizzoli.

VENTURI, Robert (1982):  Complejidad y Contradicción en la Arquitectura, Barcelona, Gustavo Gili.